Sabia que a Aromaterapia também pode ser usada em animais?!

A aromaterapia em animais auxilia na proteção contra as pulgas, na beleza dos pelos, no tratamento de feridas e alivia diversos problemas comuns. Como a recepção dos óleos é feita pelo olfato, e esse sentido é bem desenvolvido nos cães, o tratamento é de grande utilidade e o animal costuma responder bem a todas as técnicas. Justamente por isso é importante respeitar a dosagem dos óleos, levando em conta a massa corporal do animal. É bom evitar altas doses e administrar frequentemente os óleos essenciais.

A aplicação pode ser feita da seguinte forma:

– Aplicação nas patas onde a absorção é mais rápida;
– Aplicação na parte superior das gengivas ou diretamente na língua;
– Aplicação de algumas gotas na linha da coluna com massagem para que o óleo possa penetrar na pele;
– Pingue algumas gotas de óleo na coleira e em lugares onde o animal dorme.

Sugestões de óleos de acordo com a necessidade:

– Para feridas abertas – Lavanda, Tea-Tree, Rosa, Neem;
– Para os ossos – Lemongrass;
– Para drenar os rins deficientesJunípero;
– Para ansiedade e estresse – Lavanda, Gerânio, Camomila;
– Para mordeduras por cachorros ou gatos – Hortelã pimenta;
– Para tratamento de pelo – Pau Rosa, Lavanda;
– Para acabar com as pulgas – Tea-Tree, Neem;
– Para traumas – Pau rosa, Lavanda, Camomila;
– Para tumores – Olíbano com Lavanda ou Olíbano com Cravo;
– Para sangramento e coagulação sanguíneaCipreste, tea tree;
– Para machucado de sela (para cavalos) e machucados em geral – Lavanda, Rosa, Tea-Tree;
– Para uso respiratório – Eucalipto;
– Para ser usado como calmante, antisséptico e cicatrizante – Lavanda, Neem;
– Para uso antibiótico – Orégano, Neem.

Visite o nosso site
Visite o nosso Facebook

Compartilhe

Posts recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *