Gatos que miam em excesso

gatos que miam em excesso

O miado é uma forma de comunicação particularmente usada pelos gatos durante seus primeiros meses de vida, mas à medida que o felino vai crescendoele começa a usar outros tipos de sons para se comunicar com outros gatos.

Quando pequeno, o miado normalmente é indício de necessidades básicas, como frio, fome, e sentimento de perigo. Gatos adultos usam o miado como forma de se comunicar com seus donos. Há raças de gatos que miam mais do que outras, o que altera também o seu comportamento.

Há diversos motivos para que um gato mie em excesso, podendo ser apenas necessidade de atenção, alguma dor específica, fome e até mesmo o fato de estarem no período do cio. Deve-se rapidamente procurar entender a causa desse comportamento.

Uma das características do cio das gatas são os miados intensos, enquanto os machos no cio também miam porque sabem que existe por perto alguma fêmea desejando cruzar.

A solução mais simples para este problema é castrar seu gato, evitando mudanças de conduta,  e também que os gatos escapem e tenham filhotes não desejados.

Os gatos também miam para iniciar brincadeiras ou carinhos, como se pedissem atenção, contudo procure fazer essas coisas quando ele não estiver miando. Estimule-o a brincar com caixas de papelão e brinquedos, ofereça locais para ele subir, como prateleiras, visto que às vezes os miados também podem significar falta de atividade.

Uma dor ou doença também pode ser motivo para um miado constante. Neste caso, o miado costuma ser apagado e muito ininterrupto. É bom que revise seu gato para garantir que não possui nenhuma ferida e avalie seu comportamento para ver se está doente. Se você suspeita que o miado excessivo seja relacionado à sua saúde, leve-o à um médico veterinário.

O miado constante em gatos mais velhos pode ser também uma questão de idade. Normalmente eles se sentem nervosos e desorientados durante a noite, miando para comunicar seu medo. Nestes casos a recomendação é de não o deixar completamente no escuro, uma luz fraca sempre ajuda.

Mantenha sempre a caixa de areia limpa, água fresca e limpa, e alimentação nos horários – não quando ele miar. Estimule outros comportamentos. Quando ele mia e você olha, você o está ensinando a miar quando ele quiser chamar a sua atenção.

Nunca alimente o animal depois de ele ficar miando, pois se fizer isso saberá que cada vez que miar, terá comida em troca. Espere que se acalme e depois coloque sua comida. Também não dê bolachinhas ou aperitivos quando miar por fome, pois acontecerá o mesmo, passará a ser um hábito.

Os gatos, assim como nós, também sofrem de estresse e nervosismo. Este pode ser um dos principais motivos para seu gato miar muito e de forma repentina.

Se tiver acontecido uma mudança importante em sua rotina, por exemplo uma mudança de casa, a chegada de outro animal ou de um bebê, é normal que seu bichinho comece a miar muito.

Demonstre seu amor e dê atenção ao seu animalzinho, assim os níveis de ansiedade vão se reduzindo e os miados também.

 

Compartilhe

Posts recomendados

Comments

  1. Carolaine Dias : maio 11, 2019 at 8:55 pm

    Nossa adorei o conteúdo e de primeira qualidade parabéns mesmo.

    Vou compartilhar com meus amigos

    Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *