Dia da Mãe Natureza

golfinho inteligente natureza

No dia 4 de outubro comemoramos o dia mundial da natureza. Mas que tal fazermos mais do que comemorarmos?!
Vamos nos conscientizar e observar mais as coisas ao nosso redor!
Verifique consigo mesmo se anda fazendo algo pela terra em que pisa ou pela árvore que lhe dá sombra e água fresca. Verifique ainda se tem cuidado dos animais que dividem com você a vizinhança desse planeta, agora nem tão grande.
Alguém já se deu conta de que não precisamos mais nos preocupar com o futuro do planeta para nossos filhos e netos?! Quem deveria ter feito isso eram nossos avós e pais – agora precisamos frear com força e não mais reduzir a marcha do “desenvolvimento”!
Olhe para si. Seja sincero e pense no que está fazendo para contribuir com o amanhã, seja ele qual for.
Paremos de correr! Olhemos mais as árvores, e os raios solares que ainda atravessam seus galhos e folhas! Olhemos mais a chuva com carinho, caindo como uma benção e lavando nossas vidas dessa sujeira – que não se junta apenas em nossos beirais!
Ajudemos mais ao próximo, seja ele humano ou não!!! Busquemos propósitos maiores e mais duradouros!
Ajudando a natureza estamos colaborando com o equilíbrio de nosso habitat, nossa casa, e consequentemente, ajudando cada ser que nela vive – seja animal, vegetal ou mineral…
Podemos começar tratando bem aqueles que colocamos sob o nosso teto. O cuidado com os animais que convidamos a viver em nosso lar, como nossos “bichinhos de estimação”, não é apenas um gesto bom, mas sim um gesto necessário. É o mínimo que se espera de você!
Caso não se identifique com esta mensagem e não se veja cuidando de um cãozinho ou gatinho mais velho ou doente, limpando as fezes e a urina que umedecem seu pelo por não conseguir mais ter forças para se levantar, não tenha um!
Aprenda primeiro a amar ao próximo independente de como seja ou esteja! Eles não têm preconceitos… que tal aprendermos essa lição também?!
Já no caso de se encaixar no perfil de ser humano que entende o que quero dizer com estas palavras – Acorde! Busque meios de ajudar! Por menor que seja a ajuda que pode dar, ela já é muito importante!

Compartilhe

Posts recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *