Convívio entre homens e animais

cachorro golden retriever animal animais

Os laços formados entre as pessoas e os animais de estimação podem se estreitar de várias maneiras. Algumas pessoas decidem ter em suas vidas cães, gatos, porquinhos da índia, gerbils, coelhos e cavalos simplesmente por que gostam de suas companhias. Já outros gostam também das atividades realizadas em conjunto, que também estão ganhando seu espaço ao sol. Os treinamentos e adestramentos, as aulas de socialização e o agility podem ser aqui citados.
Pessoas com necessidades especiais também estão se beneficiando da companhia dessas maravilhosas criaturas. Existem diversos grupos que promovem suporte emocional e físico para o dia-a-dia desse grupo de pessoas (vejam, por exemplo: Dogs for disabled, canine partners, support dogs, pet terapia, doutores cães, etc.).
No Children’s Hospital Health Center, em San Diego, nos EUA, o Dr. Fetko realiza esse trabalho há mais de 10 anos com uma equipe de 500 cães. Muitas pessoas têm preconceitos em relação à terapia feita com cães em hospitais, mas com a vacinação em dia e um bom estado de saúde não há como os animais transmitirem nenhum tipo de doença para os pacientes. Para reduzir esse preconceito o Dr. Fetko faz o adestramento de cães dos funcionários do hospital, criando uma cooperação ainda maior dos animais com a equipe médica.
Um estudo australiano realizado pelo Instituto de Pesquisa Baker revelou também que donos de animais de estimação têm menor propensão ao estresse do que as pessoas que não os possuem em casa.
Para a especialista Anne Mcbride, psicóloga que estuda a relação entre humanos e animais, o companheiro peludo pode trazer muitas vantagens para a vida das pessoas. Segundo a psicóloga, os animais de estimação promovem o controle da pressão sanguínea, uma melhor respiração e ainda fazem seus donos sorrirem mais. Gargalhadas, afirma Anne, diminuem os índices de cortisol e aumentam os níveis de serotonina, substância responsável pela sensação de bem-estar.
Não é a primeira vez que uma pesquisa ressalta os benefícios dos animais na saúde humana. Em 1999, a Universidade Estadual de Nova York concluiu que os animais contribuem positivamente para o controle da pressão sanguínea. Cientistas da Universidade Warwick, na Grã-Bretanha, por sua vez afirmaram que crianças doentes de quatro a cinco anos se recuperam mais rápido quando convivem com animais em casa, corroborando o que o estudo da Society for Companion Animal Science (SCAS) mostrou: Crianças que têm contato com animais de estimação possuem sistemas imunes mais bem preparados do que jovens que não o fazem.
Outra forma positiva de convívio é o trabalho deles propriamente dito, em conjunto com os seres humanos. Alguns animais são treinados para realizarem tarefas especializadas e ajudar diversos profissionais, e os melhores exemplos disso são os animais com treinamento policial que buscam e identificam drogas, explosivos, alimentos, homens acidentados, entre outros.
A ligação entre humanos e animais é de grande interesse público assim como os estudos relativos a esta ciência. Esse tipo de estudo é conhecido como antropozoologia, mas o campo de pesquisa é amplo e multidisciplinar. A psicologia, a terapia ocupacional, a antropologia, a sociologia e a filosofia são exemplos de disciplinas que tangem essa ciência.
Pesquisas já concretizadas e outras mais recentes estão surgindo para quantificar e qualificar a interação homem-animal e descrever as condições e os mecanismos em que essa relação se dá, assim como os mútuos benefícios que ela pode promover.
No site da SCAS podemos obter mais estudos científicos para continuarmos ilustrando esta relação mutualista de convívio.
Nós da Flor de Lótus Acupuntura Veterinária somos fãs do convívio entre os seres humanos e os demais animais. Mas lutamos abertamente apenas pela relação saudável entre estas espécies, com ganhos para ambos os lados.
Cuide de seu amigo peludo e deixe que ele também cuide de você!
Ótima semana!
Referências:
http://veja.abril.com.br/noticia/saude/animais-estimacao-aliviam-estresse-diz-estudo
http://www.webanimal.com.br

Home

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *