Esportes com cães? Sim!!!

esporte cachorro

Aos que se perguntam o que mais os nossos queridos amigos peludos, os cães, podem fazer em conjunto com seus amigos humanos para terem uma vida esportiva e saudável além da famosa corrida de cães e do já mencionado aqui, agility, seguem alguns exemplos bem interessantes:

O Flyball, o frisbee, os esportes aquáticos (como o salvamento, o surfe e o rafting), as caminhadas ou trilhas (trecking), o pastoreio, o mondioring, o game dog, as modalidades de caça e a corrida de trenós são os principais esportes existentes para se fazer junto ou apenas treinar e acompanhar seu animal.

O Game Dog foi criado para substituir de vez a utilização dos animais da raça Pit Bull em rinhas. Esse esporte necessita de força e ação, coisas fáceis de encontrar num exemplar dessa raça. O esporte consiste na prática de saltos em distância, saltos em altura, saltos de obstáculos, corridas puxando carrinhos, busca de objetos submersos, entre outras atividades radicais.

O Mondioring é uma espécie de treinamento, com a exigência de disciplina e obediência.

Outro esporte que deve começar a aparecer mais é a corrida com trenós, agora que um paulistano foi campeão na Argentina isso vai pegar! Mas o difícil vai ser arrumar a neve… Julio Casares, de 17 anos, foi o primeiro brasileiro a participar do campeonato sul-americano de trenós puxados por cães. Ele já estreou com louvor, foi campeão do torneio, deixando as demais 19 equipes para trás!

O nome oficial desse esporte é o Sled Dog e o percurso é feito em vários dias e a equipe com melhor média de tempo é consagrada campeã. Cada equipe possui seis ou sete cães, sendo o sétimo o reserva. Normalmente os cães de raças nórdicas são os principais envolvidos nessa competição, sendo o Malamute o principal deles.

Outro esporte que não podemos esquecer é o Agility, esporte esse já descrito em outras postagens aqui do blog (já que a blogueira aqui em questão é uma praticante assídua dessa modalidade!).

O Agility une o dono e o cão em um só. A dupla depende da sincronia e da harmonia do conjunto para que haja um belo espetáculo. Esporte criado há 30 anos e inspirado no hipismo começou a ser praticado no Brasil há pouco mais de 10 anos. Atualmente já possui regras nacionais (CBA) e aproximadamente 400 duplas participantes.

Um dos países mais fortes nessa modalidade é a Finlândia, aonde o esporte chega a ser considerado o mais popular. Nos EUA já se pode assistir os campeonatos pela televisão e na França, chega a 8 mil o número de competidores. Mas o Brasil não fica feio no ranking, não. Em 2008 fomos campeões mundiais desse esporte dentro da casa dos próprios finlandeses!

Na caça temos os apontadores, os caçadores e os apanhadores. Os buscadores ou trufeiros costumam achar trufas farejando e escavando o solo a sua procura.     Os salvamentos (que podem ou não ser na água) são normalmente feitos pelos Terra Nova, Berneses e São Bernardos.

Já as corridas possuem grandes exemplares das raças Greyhounds e Whippets como principais competidores, e na modalidade pastoreio temos o Pastor dos Pirineus, o Border Collie e o Pastor de Shetland como astros principais.

O Trecking ou Canicross é uma caminhada/corrida por terreno rústico que pode ou não possuir regras como tempo, passagens e provas ao longo do percurso. O Flyball, diferentemente, seria uma corrida com obstáculos, colocados a uma distância de 15 metros um do outro. Após o percurso o cão deve liberar uma bola e levá-la até o seu condutor para interromper a contagem do tempo.

O Frisbee, famoso e conhecido lançamento de disco, é um esporte amplamente praticado nos EUA tanto de forma corriqueira, em parques e gramados, como em competições fechadas.

Mais um esporte praticado pelos cães e seus donos é o Pulka-skiing. Esporte originário da região Escandinava, que combina modalidades de esqui cross-country e trenó. Os principais atletas desse desconhecido esporte são os Pointers e os Setters.

Algumas equipes de esportistas têm unido o útil ao agradável, levando seus cães também em suas aventuras. Temos cada vez mais adeptos do rafting e do surfe dentro da espécie canina.

 

esportes cachorros cachorro esporte surfe surf

Fonte da imagem: http://www.guiadicas.com/esportes-radicais-para-caes/

 

A atividade física para os cães, independente da raça e da idade, é importantíssima para manter a saúde do corpo de da mente. A resistência física e muscular evita inúmeros problemas que podem aparecer com a idade, e o condicionamento cardiovascular, assim como para nós humanos, reduz os problemas ligados ao colesterol, ao triglicérides e às alterações pulmonares e cardiovasculares.

 

esportes radicais caes cachorro esporte radical canoagem bote

Fonte da imagem: http://www.guiadicas.com/esportes-radicais-para-caes/

 

O contato do animal com seu amigo humano também traz uma ligação importantíssima, de amor, cumplicidade e tranquilidade. A harmonia da dupla esportista pode ser vista pelo olhar do cão, à espera do comando.

 

Uma semana cheia de aventuras!

 

Referências:

http://www.vetmovel.com.br

http://blogs.estadao.com.br/edison-veiga/2012/07/10/paulistano-conquista-campeonato-de-trenos-com-caes-e-muita-neve/

http://g1.globo.com

http://www.royalcanin.com.br/o-filhote-e-o-ca-o/o-cao/ca-es-que-servem-o-homem/os-caes-e-as-atividades-esportivas-e-de-lazer

http://www.guiadicas.com/esportes-radicais-para-caes/

http://www.bichosbrasil.com.br/esportes-para-cachorros/

 

Compartilhe

Posts recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *