Animais gordinhos? Veja algumas dicas de petiscos saudáveis

cachorro gordinho obeso

A obesidade, principalmente nas grandes cidades tem se tornado um problema não apenas dos humanos, mas dos seus animais também.

Caso tenha um animal com uma cinturinha um pouco mais robusta recomendo começar a se preocupar com isso, pois a saúde do seu animal depende tanto de sua boa alimentação quanto da sua silhueta adequada.
Não é uma mera questão estética, é saúde!

Muitos dos clientes que nos procuram no consultório de acupuntura trazem animais obesos e com problemas de coluna. E as duas coisas quase sempre andam juntas!

Seguem algumas dicas para reduzir as calorias diárias e dar um novo ar ao seu companheiro peludo:

Troque aqueles palitinhos de couro (aqueles brancos) por palitinhos de cenoura e/ou pepino. Ele continuará podendo roer para se divertir, porém irá aproveitar muito mais os nutrientes e não engordará.

Faça biscoitos integrais com receitas caseiras para cães e gatos ou troque os biscoitinhos tradicionais de marca pelos integrais.

Torne a “petiscagem” mais divertida! Dê tarefas para seu animal realizar antes de conseguir o prêmio. Coloque dentro algum potinho arredondado, através de pequenos furos, alguns grãos de ração e dê para o animal tentar tirar de dentro e comer, ou peça que ele ache um objeto escondido pela casa e quando completar a tarefa dê o petisco! Use e abuse da criatividade e dê trabalho ao seu animal!

Caminhe com ele ao menos duas vezes ao dia, independente da idade que você ou ele tenham. Não precisa ser uma atividade estafante, mas precisam movimentar os músculos e os ossos, e ainda perder umas calorias.

E mais importante: sempre dê tudo em quantidade moderada! Aquela carinha de pidão não pode te deixar com o coração mole! Lembre-se, o ser dotado de discernimento é você!

Agora sim! Espero ver muitos animais perdendo peso e tendo uma vida mais equilibrada, assim como seus donos!

Abraço,

Compartilhe

Posts recomendados

Comments

  1. Eduardo Romero : agosto 1, 2011 at 2:35 pm

    Ótimo seu post, muito esclarecedor. Quero lhe fazer uma pergunta referente ao assunto: tenho um gato castrado de 3 anos, não é gato de raça, e após a castração ele engordou, embora ele sempre foi alimentado desde filhote com ração (nunca comeu e nem gosta de comida humana) e após a castração com Ração Premium especial para gatos castrados. Esse aumento de peso (acredito que seja normal após a castração) pode prejudicar sua saúde e mais precisamente o sistema corculatório ou urinário ? Muito obrigado.

    • Carolinne Torres : agosto 8, 2011 at 3:06 pm

      Olá Eduardo, como vai?
      Incialmente gostaría de lhe agradecer pelo elogio, fico feliz em poder ajudar.
      A castração muitas vezes acaba levando ao ganho de peso, principalmente nos felinos, e isso, juntamente com menos atividade física (os animais de hoje ficam muito mais tempo dormindo e dentro da residência do que antigamente que saíam para caçar, se reproduzir e defender territórios), leva ao aumento de peso.
      O aumento de peso pode sim levar a alguns problemas específicos, os gatos possuem uma tendência a desenvolver um quadro chamado lipidose quando há uma perda de peso rápida e essa alteração orgânica é bastante séria e de tratamento emergencial. Alguns quadros podem levar o animal a uma perda de apetite e consequente perda de peso, como por exemplo doenças periodontais (nos dentes e boca) ou quadros sistêmicos (como doenças hormonais).
      Portanto, nunca tente fazer regime no seu animal sem o acompanhamento de um médico veterinário, pois os felinos são sensíveis a limitação de alimentação. Existem algumas rações comerciais que auxiliam na perda de peso do seu animal, consulte um colega veterinário ou ligue para o atendimento de uma boa empresa de rações
      e peça a indicação mais adequada ao seu animal. Os exercícios físicos com brinquedos e/ou brincadeiras também podem ajudá-lo na difícil tarefa de emagrecer seu gato, e não se esqueça que os petiscos industrializados são muito calóricos, então passe longe deles para evitar um sobrepeso ainda maior em seu animalzinho.
      Espero ter lhe ajudado.
      Atenciosamente,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *